Parte do meu trabalho consiste em lidar com produtos que são usados em locais tão diversos como empresas do ramo agrícola ou em aeroportos.

E talvez não haja um local tão carente de inovação quanto este último. Quantos desastres nos últimos anos não aconteceram por falhas em comunicação?

É por isso que o mundo aéreo precisa da inovação. Especialmente em relação à comunicação entre avião e aeroporto. E uma solução já está surgindo no horizonte. São as torres digitais.

Entre suas principais diferenças em relação aos modelos atuais, podemos citar que elas:

• Substituem torres que já estão no fim das suas vidas operacionais;

• Permitem que o aeroporto se expanda em tamanho, já que é desnecessário construir uma torre física;

• Permite a continuidade do funcionamento do aeroporto;

• Fornece operações resilientes em face de pandemias, permitindo que a equipe do aeroporto trabalhe remotamente.

Uma torre digital permite que se tenha aquela visão de 360° do aeródromo, além de também aproximar digitalmente as áreas extremas da pista, fornecendo imagens ampliadas de aeronaves na aproximação final ou no circuito de tráfego.

A inovação já é tão grande que a Real Força Aérea Britânica já está utilizando as torres digitais da sueca Saab.

É um novo mundo que se anuncia.

Open chat
Fale com o especialista