Forcepoint ONE otimiza a segurança dos usuários em qualquer lugar

A Forcepoint simplificou a segurança ao integrar as tecnologias Zero Trust e SASE para proteger o acesso e o uso de dados na Web, serviços em Nuvem e aplicativos privados

A Forcepoint, provedora global de soluções de cibersegurança, apresentou nesta terça-feira (22/2) o Forcepoint ONE, uma plataforma de Nuvem tudo-em-um que simplifica a segurança para forças de trabalho tradicionais e remotas, permitindo que os usuários obtenham acesso seguro e controlado a informações de negócios na Web, na Nuvem e em aplicativos privados.

A estratégia da Forcepoint ajuda os clientes a reduzir a carga de gerenciamento das abordagens tradicionais de produtos pontuais e simplificar as operações de segurança com menos fornecedores e custos significativamente reduzidos. No relatório do Gartner de 1º de dezembro de 2021, “Predicts 2022: Consolidated Security Platforms Are the Future”, os autores escreveram: “Até 2025, 80% das empresas terão adotado uma estratégia para unificar a Web, serviços em Nuvem e acesso a aplicativos privados de plataforma de borda de serviço de segurança (SSE) de um único fornecedor.”

Eles continuaram: “As soluções de um único fornecedor fornecem eficiência operacional e eficácia de segurança significativas, em comparação com as melhores, incluindo redução de volume de agentes, integração mais estreita, menos consoles para usar e menos locais onde os dados devem ser descriptografados, inspecionados e criptografados novamente.”

O Forcepoint ONE torna mais fácil para clientes e parceiros adotarem o Security Service Edge (SSE) unificando serviços de segurança cruciais, incluindo Secure Web Gateway (SWG), Remote Browser Isolation (RBI), Content Disarm and Reconstruction (CDR), Cloud Access Security Broker ( CASB) e Zero Trust Network Access (ZTNA). A Proteção Avançada Contra Ameaças (ATP) e a Prevenção contra Perda de Dados (DLP) integradas também mantêm o malware afastado e protegem dados confidenciais em aplicativos de negócios e dispositivos BYOD, eliminando a necessidade de produtos fragmentados. Com o Forcepoint ONE, as equipes de segurança agora podem gerenciar um único conjunto de políticas em todos os aplicativos, de um console baseado em Nuvem, por meio de um agente de endpoint, com suporte sem agente para dispositivos não gerenciados.

“Estamos vendo dois mundos colidirem hoje. O mercado de segurança está se consolidando de portfólios de produtos para plataformas altamente integradas, ao mesmo tempo em que os CISOs exigem um ‘botão fácil’ para segurança. Claramente, a antiga abordagem de gerenciar mais de 50 produtos pontuais não está funcionando ao oferecer suporte a ambientes de trabalho híbridos com 75% dos funcionários remotos e bilhões de dispositivos não gerenciados conectados a recursos de negócios”, disse Manny Rivelo, CEO da Forcepoint. “O Forcepoint ONE simplifica a segurança ao reinventar a sopa de letrinhas de funções de segurança que as pessoas costumavam montar individualmente em uma plataforma Zero Trust verdadeiramente nativa da Nuvem com um conjunto de políticas gerenciadas em um só lugar”, observou.

Segurança simplificada

Simplificar a segurança pode ser uma tarefa assustadora porque os usuários podem trabalhar de qualquer lugar, navegar em sites de alto risco e conectar-se a aplicativos SaaS não gerenciados de dispositivos não gerenciados. A abordagem tudo-em-um da Forcepoint permite que uma política de segurança imponha regras e impeça o acesso ou compartilhamento não autorizado de informações.

Por exemplo, um contratado de uma empresa de investimento financeiro pode acessar com segurança o aplicativo de auditoria interna da empresa sem uma VPN ou editar um documento do Microsoft 365 de um dispositivo móvel pessoal, mas ser impedido de baixar o arquivo ou compartilhá-lo com outro site de terceiros.

O acesso seguro é obtido através da combinação de ZTNA, CASB e SWG trabalhando em conjunto e de forma transparente a partir de um único conjunto de políticas, completo com proteção avançada contra ameaças e segurança de dados integrada. Com acesso a mais de 300 pontos de presença globais (PoPs) criados na AWS, os funcionários obtêm conectividade rápida e de baixa latência e 99,99% de tempo de atividade, independentemente de onde estejam trabalhando.

As assinaturas anuais por usuário do Forcepoint ONE estão disponíveis imediatamente. Os clientes podem escolher uma edição completa para segurança na Web, na Nuvem e em aplicativos privados. Ou começar com a edição de segurança da Web e adicionar suporte para aplicativos privados e em Nuvem posteriormente. Todas as assinaturas incluem gerenciamento de Nuvem centralizado, políticas unificadas com prevenção contra perda de dados, acesso automatizado por meio de um agente de endpoint unificado e relatórios abrangentes. Recursos adicionais de proteção avançada contra ameaças estarão disponíveis ainda este ano.

Saiba mais!

Nós da Ak, somos parceiros Forcepoint, tendo o mais alto nível de experiência e comprometimento com todo o portfólio de produtos. Clique aqui e entre em contato conosco e saiba mais.

 

Fonte: Inforchannel

Fale com um especialista